Notícia

Gabinete Civil

Gabinete Civil do Estado de Alagoas
Terça, 30 Maio 2017 21:09
INSPEÇÃO

Governo fará visita técnica aos municípios que tiveram a situação de emergência decretada

Força-tarefa vai iniciar trabalhos de aproximação com as cidades atingidas pelas chuvas nestas quarta e quinta-feira

Governo fará visita técnica aos municípios que tiveram a situação de emergência decretada Neno Canuto
Texto de Maria Barreiros

Os 27 municípios atingidos pelas chuvas intensas em Alagoas e que tiveram situação de emergência decretada irão receber a visita nesta quarta (31) e quinta-feira (1º) de equipes multidisciplinares, composta por servidores estaduais e militares. A finalidade é realizar uma visita técnica para conhecer as necessidades prioritárias. O assunto foi discutido nesta terça-feira (30), no Palácio República dos Palmares, durante reuniões de trabalho.

Uma das reuniões tratou dos assuntos estratégicos e jurídicos, com o objetivo de agilizar o apoio material às cidades atingidas. No encontro, os secretários estaduais envolvidos diretamente com o socorro e assistência às vitimas decidiram ações emergenciais.

“Discutimos o apoio material que o Governo do Estado pode viabilizar com o máximo de urgência. Já sabemos que água, proteína e alguns gêneros alimentícios são de extrema necessidade nesse momento. Nosso objetivo é minimizar o sofrimento do povo alagoano que perdeu suas casas e pertences. O governador Renan Filho já conseguiu em Brasília recursos na ordem de R$ 12 milhões e salientou a importância de agir preventivamente, uma vez que ainda estamos no início do inverno,” observou o secretário-chefe do Gabinete Civil, Fábio Farias.

O encontro com a Defesa Civil, Bombeiros e servidores estaduais voluntários tratou da importância de conhecer a realidade dos municípios, para aproximar o Governo estadual dos prefeitos e população.

As 14 equipes que irão visitar essas cidades também devem levar um formulário de necessidades, que serão entregues posteriormente aos órgãos devidos. A limpeza das cidades mais prejudicadas também será realizada para que o trânsito e movimentação de pedestres sejam retomados, priorizando a acessibilidade.

Municípios

Além de Maceió e Marechal Deodoro, os outros 25 municípios com situação de emergência decretada são Atalaia, Barra de Santo Antônio, Cajueiro, Capela, Chã Preta, Colônia Leopoldina, Coruripe, Coqueiro Seco, Igreja Nova, Japarantinga, Joaquim Gomes, Murici, Paulo Jacinto, Paripueira, Pilar, Quebrangulo, Rio Largo, Satuba, São Luís do Quintunde, São Miguel dos Campos, Santa Luzia do Norte, Jacuípe, Jundiá, Viçosa e União dos Palmares.